30/11/2020 04:36

Chuvas devem superar a média histórica

image

Se as previsões se confirmarem, as chuvas deverão superar a média histórica para novembro em Montes Claros. De acordo com os institutos de meteorologia, há possibilidade de o município receber entre 60mm a 100mm de precipitações nos próximos dez dias. Até quinta-feira, o volume registrado pela Climatempo era de 133mm, o que corresponde a 71% da média histórica, que é de 187mm. Entretanto, choveu durante a noite de quinta e a sexta-feira amanheceu chuvosa em Montes Claros. No meio da manhã, houve abertura de sol, quando muita gente aproveitou para colocar a roupa lavada no varal para secar. Porém, a previsão era de muita chuva ao longo do dia. 

Segundo a Climatempo, o município poderia receber um volume de 10mm de chuvas nessa sextafeira. Já a Somar Meteorologia havia previsto 50% de precipitações, mais 20mm para este sábado, 11mm para domingo, 10mm para segunda-feira, 10mm para o dia seguinte e 5mm para a quarta-feira. Se os serviços meteorológicos estiverem certos, Montes Claros de verá fechar novembro com mais de 200mm de chuvas, superando assim a média de 137mm. E dezembro também deverá começar com chuvas, com previsão de ocorrência de 52mm nos quatro primeiros dias do ano. 

Apesar de ainda estar sob decreto de Situação de Emergência (SE) por causa dos efeitos da seca/ estiagem em meados do ano, o Norte de Minas deverá fechar o ano debaixo de chuva, motivo de comemoração por parte da população, principalmente do sertanejo e do semiárido, que convive a maior parte do ano com secas rigorosas e prolongadas. As chuvas dos últimos meses mudaram completamente a região, com a vegetação se recuperando até mesmo nos locais atingidos por incêndios de grandes proporções. Rios, córregos, lagoas e reservatórios também se recuperam, para a alegria do nortemineiro, que passou boa parte do ano com pouca água e alguns até sem o precioso líquido até para beber e saciar as criações. 

O quadro de recuperação dos recursos hídricos pode ser observado em Montes Claros, onde a barragem da lagoa do Interlagos “sangrou” já há algum tempo. O grande volume de água alimentado pelo Córrego das Melancias proporciona um belo espetáculo no escoadouro, descendo rio abaixo até se encontrar com o Ribeirão do Cintra, entre o Grande Renascença e o Bairro JK. Infelizmente, um grande volume de lixo jogado na lagoa também é arrastado pela força da água pelo curso abaixo, até chegar ao Rio Verde Grande, importante afluente do Rio São Francisco. 

TEMPERATURA 

As condições climáticas também mudaram em Montes Claros com o abundante período chuvoso. O calorão de até 40ºC de alguns meses deu lugar a temperaturas amenas. Nos próximos dias, a máxima deverá variar entre os 21ºC e 28ºC, a mínima entre 17ºC e 20ºC, com os índices de umidade relativa do ar oscilando entre 54% a 95%, lembrando que em setembro a cidade chegou a registrar umidade do ar na casa dos críticos 12%.

 

Atendimento Online pelo WhatsApp