23/01/2021 11:26

PC faz balanço do trabalho em 2020

O 11º Departamento de Polícia Civil em Montes Claros (11º DPC), divulgou na manhã dessa terça-feira, 12, o balanço anual 2020, referente aos serviços policiais e de cidadania prestados em sua área de atuação. Durante a apresentação, foram destacados pelo delegado Jurandir Rodrigues César Filho, Chefe do Departamento, os principais dados dos serviços oferecidos à população em 2020, enfatizando que apesar dos desafios ocasionados pela pandemia do Covid-19, o efetivo da Polícia Civil se manteve na linha de frente, em continuidade aos serviços. Assim, conforme esclareceu, a PC emitiu quase 49 mil carteiras de identidades e efetuou mais de 60 mil vistorias veiculares, e ainda, emitiu 50.729 Certidões de Registros Veiculares, um aumento de 7% em comparação com 2019. A Perícia Criminal e a Medicina Legal emitiram mais de 7000 Laudos. 

São 9082 inquéritos policiais instaurados, 7837 inquéritos concluídos, 2481 Medidas Protetivas e mais de 4700 Termos Circunstanciados de Ocorrências (TCO) enviados à Justiça, totalizando 15.018 procedimentos concluídos. Destacando-se o indiciamento de 6813 pessoas, situação em que o delegado de polícia decide que há provas suficientes de autoria e materialidade sobre o crime. 

Esse foi o resultado de atividades de atribuição da polícia judiciária desenvolvidas pela Polícia Civil no ano de 2020, no âmbito do 11º Departamento, unidade que compreende as Delegacias Regionais Montes Claros, Januária, Janaúba e Taiobeiras, com atuação em 77 municípios do Norte de Minas. 

Na análise dos crimes violentos, os resultados são bastante expressivos, registrando a redução de 41% no período. O número de vítimas de homicídios no Departamento obteve importante redução de 20%, com taxa de elucidação de 69% no Departamento e 78% em Montes Claros, índice importante para se efetivar a responsabilidade dos autores de crimes dolosos contra a vida. 

 

Atendimento Online pelo WhatsApp